terça-feira, 3 de março de 2009

ALIMENTO VIVO - Suco de luz do sol, Como germinar, Queijinho de amendoim


CONVIVÊNCIA COM O BIOCHIP
Ana Branco é Professora do Departamento de Artes e Design da PUC - Rio desde 1981.
Coordena a Convivência com o BioChip, onde o Grupo Aberto de Estudo, Pesquisa e Desenho com Modelos Vivos oferecido a comunidade de forma graciosa favorece a divulgação e experimentação da pesquisa, onde são investigados as cores, os odores, os sabores e as informações contidas nas frutas, hortaliças e sementes revitalizadas pela germinação. Instala semanalmente no Campus da Puc Rio, a Feira do Desenho Vivo, onde ficam expostas não somente os desenhos, como também demonstradas as técnicas utilizadas para a obtenção dos produtos resultantes.
Todas as quintas feiras, no período letivo, das 10h às 14h é instalada no campus da PUC Rio a Feira do Desenho Vivo para demonstração dos processos de germinação de sementes, produção de pigmentos a partir dos modelos vivos gerados pela luz do sol e exposição para experimentação dos desenhos obtidos a partir dessas práticas. Há também uma FEIRA ORGÂNICA, com verduras, hortaliças e sementes cultivadas em solo vivo e sadio.

Local: campus da PUC - Rio, próximo à ponte de madeira que atravessa o Rio Rainha.
Para saber mais entre no site: http://wwwusers.rdc.puc-rio.br/anabranc/portugues/home.html

PROJETO TERRAPIA
Maria Luiza Branco (irmã de Ana), criou o Projeto Terrapia - Alimentação Viva na Promoção da Saúde, que teve início em julho de 1997 e faz parte das ações de Promoção da Saúde do Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria (CSEGSF) da Escola Nacional de Saúde Pública ( ENSP ), onde ela trabalha.
Desenvolve suas atividades num espaço aberto, no campus da FIOCRUZ, com pomar e horta de cultivo biológico, onde tem instalada uma praça de alimentação e varanda para abrigar as atividades em dias de chuva. Toda a construção da Horta e Pomar foi realizada com a participação dos usuários. Com instalações simples, propõe a maior integração com o ambiente natural como forma de Promoção da Saúde, nas unidades públicas de Atenção Primária à Saúde. Convida a todos, sejam moradores, trabalhadores, alunos ou visitantes, para participarem das oficinas e seminários, onde apresenta a Alimentação Viva além de atividades de plantio, colheita e preparo dos alimentos como um meio de desenvolver a sua própria pesquisa individual sobre saúde.
Entende que a construção da saúde é sempre individual e que todos somos pesquisadores ativos. Além disso, as mudanças de hábitos alimentares e as práticas de auto-cuidado utilizando recursos naturais, sensibiliza o participante para os assuntos relacionados à Ecologia, reafirmando a relação entre saúde e ambiente natural. Em resumo, trabalha na interface: Saúde, Alimentação e Meio Ambiente.

Local: Centro de Saúde Escola - Rua Leopoldo Bulhões 1480, térreo, Manguinhos (perguntar pela Horta do Terrapia).
Para saber mais entre no site: http://www4.ensp.fiocruz.br/terrapia/

SUCO DE LUZ DO SOL



É o carro chefe dos que vivem do alimento vivo porque contém grãos germinados, que é um alimento vivo e uma quantidade muito grande de vegetais.

Receita
Coloque 2 maçãs picadas sem sementes no liquidificador. Não substitua a maçã por outra fruta, pois elas interferem na absorção da clorofila. Bata com a ajuda de um pepino como socador para auxiliar e extraia o sumo passando num coador de pano ou voal. Não colocar água. Devolva o sumo ao liquidificador e acrescente aos poucos as folhas verdes comestíveis como: grama de trigo, folha de abóbora, folha de batata - doce , couve, chicória, acelga, alface, agrião, hortelã, capim-limão ou outra que desejar. Lembrar que o objetivo é extrair o sumo verde, portanto você pode usar qualquer folha verde comestível que tiver em casa ou ainda as folhas não cultivadas comestíveis. Acrescente um punhado de grãos germinados (dos que provei girassol foi o que mais gostei), folhas verdes comestíveis: couve, chicórea, hortelã (na mesma proporção), o legume e a raiz escolhida (gosto de colocar inhame, cenoura, batata doce e gengibre), variando as hortaliças sempre que possível e privilegiando as de produção orgânica. Coe novamente no coador de pano para retirar as fibras, pois, desse modo, a clorofila pode ser mais bem absorvida, beba logo em seguida e se delicie com a força da energia vital!

Como germinar grãos
1.Colocamos de um punhado que caiba na mão de grãos num vidro, lavamos bem e cobrimos com água limpa, de preferência sem cloro.
2.Deixamos de molho por uma noite (8 horas).
3.Cobrimos o vidro com um pedaço de filó e prendemos com um elástico. Despejamos a água e enxagüamos bem sob a torneira.
4.Colocamos o vidro inclinado num escorredor num lugar sombreado e fresco
5.Enxagüamos pela manhã e à noite. Nos dias quentes é preciso lavar mais vezes para mantê-los úmidos
Os grãos iniciam sua germinação em períodos variáveis. Em geral estão com a sua potência máxima logo que sinalizam o processo do nascimento, quando ficam prontos para serem consumidos e potencializam suas vitaminas em 20.000 vezes.
Sugestões de sementes:
As sementes germinadas de casca dura (muita celulose) podem ser usadas nos sucos, pois serão coadas ao final. Todas as sementes comestíveis, tanto pelo homem como pelos pássaros: alpiste, girassol, painço, niger, colza, aveia, trigo, linhaça, arroz, soja, centeio, gergelim, grão de bico, amendoim, lentilha, nozes, castanha do Pará, amêndoas, ervilha, feno-grego, etc.
Algumas sementes é preciso saber preparar, como os feijões e a semente de abóbora, por exemplo.

QUEIJINHO DE AMENDOIM


Aí vai uma receita simples com amendoim germinado a pedido da Bibi.
Eu já usei muito e é uma delícia!

Receita
Germine o amendoim como descrito acima, descasque, coloque no processador com alho, uma pitada de sal e bata.
Se quiser um queijinho mais molinho vá pingando um pouquinho de água enquanto processa.
Se quiser mais temperado aconselho a, na próxima receita, acrescentar temperos a gosto.
Nas receitas do alimento vivo não colocamos quantidades. Isso fica por conta de cada um, de acordo com sua preferência. Com a prática você vai apurando as proporções.
Toda vez que você faz uma receita ela é um experimento.

video

2 comentários:

  1. Oba!
    Minha amiga vai partilhar suas maravilhas conosco!
    Já vou colocar o "minduim" para germinar. Quero queijinho
    Bjs

    ResponderExcluir